Filosofia africana Ubuntu é tema do “18º Encontro com o autor”

foto site

Por: Andréa Fischer

A fotografia como ferramenta de desconstrução do preconceito estético e social. Essa é a proposta de “Ubuntu – Eu sou porque nós somos”, temática do “18º Encontro com o autor”, evento promovido pela Escola Câmera Criativa no dia 4 de agosto, às 15h, na sede da escola. Será um bate-papo descontraído com o fotógrafo Victor Hugo Silva, autor dos retratos das mais de 40 pessoas da Grande Florianópolis que integram o projeto. “A ideia foi provocar uma reflexão sobre as individualidades e as essências humanas, mostrando que somos todos parte de um coletivo e por isso não devemos julgar nem excluir”, afirma o fotógrafo.

Durante o encontro, os apaixonados por fotografia e o público em geral terão a oportunidade de conhecer a carreira de Victor e os bastidores do projeto, incluindo a escolha de personagens com perfis tão distintos.

O evento também contará com a presença dos arquitetos Fábio Pereira, Leandro Sumar e Tauan Zanetta, autores do “Espaço Ubuntu”, ambiente da Casa Cor Santa Catarina onde as fotografias foram expostas.

 

Sobre o evento

O “Encontro com o Autor” vem sendo realizado desde 2014. “O objetivo é ser um espaço de interatividade entre profissionais e estudiosos do campo da fotografia e das artes visuais e os alunos da escola e o público em geral interessado na área”, explica a fotógrafa Luíla Vômero, sócia-proprietária da Escola Câmera Criativa. São abordados diversos temas, como fotografia e arquitetura, fotojornalismo, fotografia de cunho artístico, publicitário, de natureza, entre outros. O evento é gratuito e acontece a cada dois meses.

Modelo: Aline Drag | Fotógrafo: Victor Hugo

 

Modelo: Iza Muçulmana | Fotógrafo: Victor Hugo

 

Fotógrafo: Victor Hugo

Modelo: Feijão | Fotógrafo: Victor Hugo

Modelo: Maikon e Aline | Fotógrafo: Victor Hugo

Modelo: Paolla e seu lado homem| Fotógrafo: Victor Hugo

CONFIRA A MINI ENTREVISTA COM O FOTÓGRAFO VICTOR HUGO SILVA.

Qual foi o maior desafio desse projeto?

Victor: Interpretar a palavra Ubuntu. O conceito exprime a crença que conecta toda a humanidade: “eu sou o que sou graças ao que somos todos nós”. Partindo de uma pequena pesquisa me vi dentro de um conceito que não exclui, não julga e não faz diferença entre nada nem ninguém, todos somos parte de um coletivo. Trazer isso para a fotografia, conhecer as pessoas e expor o melhor delas foi um grande desafio. Pedi apenas que olhassem para a câmera e fossem elas mesmas, sem ditar nada.

Que ensinamento você leva desse trabalho, depois de conhecer e fotografar pessoas tão diversas?

Victor: O contato com elas foi incrível. Aprendi a respeitar mais, ajudar mais, aprendi que cada um tem uma história em seu universo particular que a faz ser, agir e viver de uma forma.

Que mensagem você quis passar para o público através dessas fotografias?

Victor: Que somos todos iguais, o que muda são nossas histórias. O coletivo da frase “Eu sou, porque nós somos” inspirou toda uma geração numa época em que quase não existia esperança. Nelson Mandela disse: “respeito, cortesia, compartilhamento, comunidade, generosidade, confiança, desprendimento”. Esse é o espírito de Ubuntu. Não significa que as pessoas não devam cuidar de si. A questão é fazer isso de maneira a desenvolver a sua comunidade, permitindo que ela também melhore.

Serviço:

 O que: 18º Encontro com o autor, temática “Ubuntu – Eu sou porque nós somos”, com o fotógrafo Victor Hugo Silva

Quando: 4 de agosto (sábado), às 15h

Onde: Câmera Criativa – Escola Catarinense de Fotografia e Arte

Rua Felipe Schmidt, 321, 7º andar – Florianópolis

Quanto: gratuito

Mais informações: (48) 3246-0643 | 99678 2525